Animais a bordo

É permitido levar os bichinhos a bordo?

Saiba se você pode levar seu animal de estimação no cruzeiro e conheça as condições de transporte.

Olá cruzeirista!

Uma das maiores dúvidas ao comprar uma viagem em um cruzeiro é em relação ao animal de estimação. Afinal de contas: é permitido ou não levar os nossos queridos amigos peludos a bordo de um cruzeiro? A grande maioria das companhias não permite animais a bordo. A única companhia que permite o transporte de animais de estimação a bordo é a Cunard em seu luxuoso Queen Mary 2, nos trechos entre Nova York, Southampton e Hamburgo. Porém os animais não podem ficar soltos no navio e para isso existe um espaço reservado para eles. As companhias também aceitam o transporte de cães-guia. Estes têm acesso a todo o navio para ajudar no deslocamento de passageiros com deficiência visual.

O luxuoso Queen Mary 2

Como funciona o transporte dos animais no Queen Mary 2?

O Queen Mary 2 é o luxuoso navio da Cunard com capacidade para 2620 passageiros, com cruzeiros pela América do Norte, América do Sul e Europa. Nas viagens transatlânticas entre Nova York, Southampton e Hamburgo os donos podem levar seus bichinhos a bordo. Mas os animais não podem ficar nas cabines com os donos e devem permanecer nas gaiolas de transporte, localizadas no deck 12 do navio. Os donos podem visitar os animais a qualquer momento durante o dia. Um funcionário da Cunard está sempre disponível no canil para abrir a caixa de transporte e assim o dono pode ter contato com o seu animal de estimação. A alimentação dos animais é feita pelo funcionário da Cunard. É recomendado informar com 1 semana de antecedência sobre a alimentação do bichinho a Cunard, que estoca o alimento a bordo. A limpeza das gaiolas de transporte e do canil é feita também pelo funcionário da Cunard.

Os animais precisam de documentação

Quais as regras de transporte? O animal pode desembarcar durante as paradas?

Todos os animais devem estar de acordo com os requerimentos do PETS (Esquema de Viagem para Animais). O PETS é um sistema para transportar animais sem necessitar de quarentena e assim eles podem desembarcar nos países da rota do Queen Mary 2. De qualquer maneira, é sempre recomendado entrar em contato com as autoridades de cada país onde será feito o desembarque. O animal deve estar de acordo com seguintes requerimentos do PETS:
– Deve portar um microchip
– Deve estar vacinado contra a raiva
– Deve possuir um passaporte para animal de estimação (chamado em inglês de Pet Passport). É importante salientar que nenhum animal que não esteja de acordo com o PETS poderá viajar a bordo do Queen Mary 2.

Cães-guia podem viajar a bordo? São as mesmas regras para os outros animais?

Os cães-guia são muito bem-vindos a bordo! A grande maioria das companhias como a Cunard, Costa Cruzeiros, MSC Cruzeiros e Royal Caribbean aceitam os bichinhos. Porém, eles devem ser treinados, registrados e as companhias devem ser previamente comunicadas. Ao contrário dos outros animais, os cães-guias tem acesso a todas áreas do navio, desde que acompanhados do dono. Aqui vale a mesma informação de desembarque para os outros animais, mas é sempre recomendado entrar em contato com as autoridades de cada país.

Dúvidas?

Caso tenha dúvidas, entre em contato com a Dreamlines. Nossos especialistas estão prontos para ajudá-lo tanto por telefone quanto por e-mail. Tudo isso para oferecer a você uma viagem inesquecível.

Texto e informações por: Danilo Sousa



10 Comentários

  1. Avatar Pedro Paulo 16. julho 2018 Responder
    • Beatriz Queiroz Beatriz Queiroz 7. agosto 2018 Responder
  2. Avatar Eleonora Grun 14. setembro 2018 Responder
    • Beatriz Queiroz Beatriz Queiroz 18. setembro 2018 Responder
  3. Avatar patricia siviero 6. fevereiro 2019 Responder
    • Beatriz Queiroz Beatriz Queiroz 11. fevereiro 2019 Responder
  4. Avatar Maria José 24. junho 2019 Responder
  5. Avatar Silvia Renata de Figueirêdo Martins 4. dezembro 2019 Responder
  6. Avatar Mauricio Chibinski 10. janeiro 2020 Responder
  7. Avatar Gilda Correa Manso Castilho 17. fevereiro 2020 Responder

Adicionar comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *