Cruzeiros Polinésia e Oceano Pacífico

Todos os destinos
Todas as companhias
Data de saída
Data de chegada
Buscar cruzeiro
Cruzeiros Polinésia e Oceano Pacífico

Composta por cerca de mil ilhas paradisíacas, a Polinésia não decepciona. Este é o destino de cruzeiro perfeito para quem deseja conhecer as águas cristalinas do Pacífico e paisagens de sonho.

Arrow Left
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
  • Destination Gallery
Arrow Left
Arrow LeftArrow Left
Cruzeiros Polinésia e Oceano Pacífico

O Oceano Pacífico é o maior Oceano da Terra, cobrindo cerca de 46% da superfície terrestre com seus 180 milhões de km². O oceano foi batizado pelo navegador português Fernando Magalhães, que quando pela primeira vez o atravessou concluiu que era mais calmo que o Atlântico, daí o nome “Pacífico”. Ele se estende desde as Américas até a Ásia e a Austrália e conta com cerca de 25 mil ilhas, onde é possível encontrar uma grande diversidade de culturas e paisagens naturais que vão desde as praias da Austrália até às geleiras do Alasca.

Localizada no sul do Oceano Pacífico, a Polinésia é formada por um conjunto de ilhas, em sua maioria de origem vulcânica, que se encontram dentro do chamado “Triângulo da Polinésia”. Os extremos que formam o triângulo são pontos no Havaí, na Nova Zelândia e na Ilha da Páscoa, e sua área engloba também as regiões da Micronésia e Melanésia.

Com seus quilômetros de areia dourada, águas cristalinas e um clima quente o ano todo, este destino é considerado por muitos como um lugar de sonhos. Conhecer este paraíso tropical a bordo de um cruzeiro é a melhor forma de apreciar as inúmeras praias locais, a tranquilidade dos longos dias de sol e as diversas atividades de que a região dispõe.

Ver todas as ofertas

Você sabia? Nossas dicas para você

Tércia0800 740 7407

Das inúmeras ilhas que fazem parte da Polinésia e Oceano Pacífico, as mais conhecidas são provavelmente as da Polinésia Francesa e as do Havaí. Na Polinésia Francesa não deixe de fazer um passeio por Bora Bora ou um tour em caiaque até ilhas inabitadas, onde é possível apreciar as incríveis belezas naturais do local. No Havaí, aproveite para provar a deliciosa gastronomia e conhecer a história da imigração nas ilhas.

Polinésia e Oceano Pacífico - Portos

Polinésia e Oceano Pacífico - Dicas de Viagem

A Polinésia Francesa e as ilhas do Oceano Pacífico são os destinos de cruzeiro que mais se aproximam daquilo que você imagina como paraíso na Terra. Nada se compara à natureza praticamente intocada que se revela exuberante em montanhas, atóis, vulcões, cachoeiras, lagoas e baías nas ilhas do Pacífico Sul.   

Mas é embaixo d’água que a beleza da Polinésia pulsa mais forte. O aquário natural mais rico do mundo, repleto de jardins de corais em perfeito estado de conservação, é deslumbrante para mergulhadores de todos os níveis, impressionando pela sua incrível biodiversidade.     

O Pacífico Sul é repleto de paisagens icônicas esperando para serem descobertas. Espalhadas pelo maior oceano do mundo, 118 ilhas do Pacífico Sul são representativas de uma vasta variedade cultural e paisagística, incluindo as ilhas Cook, Fiji, Tonga, Tahiti, Kiribati, Tuvalu, Nauru, Nova Caledônia, Palau, Ilha de Páscoa e muito mais.

Cruzeiros pelo Oceano Pacífico

Cruzar o Pacífico Sul é simplesmente um sonho para os amantes da natureza e da aventura. Um cruzeiro pela região é uma forma garantida de percorrer as mais belas paisagens desde um ponto de vista privilegiado: do mar. Atravessar lagoas azul turquesa a bordo de um cruzeiro é um capítulo à parte numa viagem pela Polinésia Francesa e ilhas do Oceano Pacífico. Esta modalidade permite que você explore diversas ilhas numa só viagem, já que os voos entre as ilhas são limitados e encaixá-los num roteiro demandam uma logística mais complexa e maior flexibilidade de tempo por parte do viajante.

Certas companhias de cruzeiro são especialistas em apresentar a cultura e modos de vida dos povos do Pacífico Sul de maneira que irão inspirá-lo a descobrir a fundo cada um dos destinos.  Oceania Cruises, Princess Cruises, Regent Seven Seas, Windstar, Celebrity Cruises e até mesmo a Royal Caribbean são algumas das companhias que te levam para descobrir a Polinésia Francesa e o Oceano Pacífico a bordo de espetaculares navios de cruzeiro, que oferecem a base de conforto e segurança necessárias para visitar toda a região.   

O embarque para os cruzeiros pelo Oceano Pacífico costuma ser nos portos da Austrália e da Nova Zelândia, devido à proximidade geográfica da região. Porém também é possível encontrar cruzeiros de maior duração que cruzam o Pacífico de norte a sul, e, portanto, embarcam em portos da costa oeste dos Estados Unidos, como Los Angeles e São Francisco. Além disso, também é possível embarcar diretamente em Papeete (capital do Tahiti), no caso de cruzeiros que navegam pela região da Polinésia Francesa.

As ilhas do Oceano Pacífico se dividem em 3 regiões principais:

Melanésia

  • Fiji
  • Vanuatu
  • Nova Caledônia (França)
  • Ilhas Salomão
  • Papua Nova Guiné

Este é o grupo de ilhas mais próximo da Austrália e Nova Zelândia. A origem do nome Melanésia vem do grego e significa “ilhas negras”. Isso porque sua população está predominantemente formada por povos de pele escura (em alguns casos também apresentam os cabelos loiros). A região possui ao todo 4 países independentes e um território dependente da França, a Nova Caledônia, além de abranger uma pequena parte pertencente à Indonésia.

Alguns dos portos de cruzeiros mais famosos da Melanésia são Noumea (a capital da Nova Caledônia), Suva e Lautoka (ambas em Fiji). Outro porto popular possui o curioso nome de Mystery Island. Trata-se de uma ilha exclusiva para passageiros de cruzeiros, pertencente a Vanuatu. Companhias como Royal Caribbean e Norwegian Cruise Line viajam para a ilha, que não possui eletricidade, lojas ou sinal de celular. Mystery Island é um paraíso para desconectar e depois voltar ao conforto do seu cruzeiro no final do dia.   

Entre os países da Melanésia, o mais estruturado e preparado para o turismo é Fiji, um arquipélago composto por 300 pequenas ilhas. Um cruzeiro para Fiji te leva para admirar sua paisagem acidentada, relaxar em suas praias repletas de palmeiras e mergulhar em recifes de corais perfeitamente preservados.

Famosa pelos seus habitantes calorosos e amigáveis ​​e pela fauna exótica, Fiji é uma nação insular à espera de ser descoberta numa das nossas muitas opções de cruzeiros no Pacífico Sul. Os aventureiros subaquáticos irão deliciar-se com as paisagens de densas florestas de corais e sua infinidade de cores. As ilhas Mamanuca e Yasawa estão entre os melhores refúgios para quem busca praias de areia branca e águas azul-turquesa.

Micronésia

  • Estados Federados da Micronésia
  • Kiribati
  • Ilhas Marshall
  • Palau
  • Nauru
  • Ilhas Marianas do Norte (EUA)
  • Guam (EUA)

O grupo seguinte de ilhas, ao norte da Melanésia e ao sul da Polinésia, recebe influências diretas destas outras sub-regiões da Oceania. A Micronésia está composta por 5 nações independentes (Estados Federados da Micronésia, Palau, Kiribati, Ilhas Marshall e Nauru) além de 2 territórios pertencentes aos Estados Unidos (Ilhas Marianas do Norte e Guam).

Palau e Nauru ainda não fazem parte da rota de cruzeiros pelo Oceano Pacífico. Porém, todos os demais países e territórios podem ser visitados a bordo de um navio de cruzeiro.

Um dos destinos de cruzeiro mais populares na Micronésia é o pequeno país insular de Kiribati, cujos portos das ilhas Christmas (Kiritimati) e Fanning costumam receber cruzeiros da Holland America Line, Seabourn e Crystal Cruises. O país é conhecido por marcar a Linha Internacional de Mudança de Data e por isso é o primeiro país do mundo a celebrar o ano novo.  

Embora seja uma base miliar norte-americana, a ilha de Guam reserva belíssimas praias, como Ritidian Point e Tumun Bay, que cada vez são mais visitadas pelos viajantes de cruzeiros. A ilha possui apenas 48km de comprimento e 15km de largura, porém guarda uma cultura completamente única. A cultura e língua Chamorro possui traços malaios-polinésios e uma forte influência espanhola. O território de Guam possui a estrutura e tamanhos ideais para serem visitados em uma escala de um dia de cruzeiro.

Polinésia

Esta sub-região da Oceania compreende mais de 10 mil ilhas e engloba boa parte do Oceano Pacífico. A região do triângulo polinésio inclui – geograficamente e culturalmente – as ilhas do Havaí e a Nova Zelândia. Toda a região compartilha tradições, danças, festas e rituais similares, pois foram povoadas pelo mesmo povo e descendem de uma só protocultura. 

Estes são alguns dos principais destinos de cruzeiro na Polinésia:

  • Polinésia Francesa 
  • Ilha de Páscoa (Chile)
  • Ilhas Cook
  • Samoa
  • Samoa Americana (EUA)
  • Tonga

 

Polinésia Francesa

Embora seja comumente associado com um destino voltado para casais – especialmente para celebrar ocasiões especiais como lua de mel ou aniversário de casamento – as ilhas da Polinésia são um destino de férias apto para todos os tipos de viajantes. A região colonizada pelos franceses ficou famosa mundialmente graças aos relatos do pinto Paul Gauguin, que viveu no local e retratou as belezas do Pacífico em suas pinturas e romances.

A região da Polinésia Francesa é dividida entre as seguintes sub-regiões:

  • Ilhas da Sociedade: Tahiti, Bora Bora, Moorea, Raiatea, Huahine, Tahaa, Maupiti, Tetiaroa
  • Ilhas Marquesas: Nuku Hiva
  • Arquipélago de Tuamotu: Rangiroa, Fakarava, Tikehau
  • Arquipélago de Gambier: Mangareva
  • Arquipélago das Ilhas Austrais: Marotiri, Rapa Iti, Rurutu 

Atividades como snorkel, caminhadas e encontro com animais garantem a diversão de toda a família, inclusive crianças. Já os mais aventureiros serão atraídos pela prática de esportes aquáticos, já que a Polinésia Francesa é reconhecida internacionalmente pelas competições de canoagem. Mergulhadores e velejadores encontrarão um cenário ímpar para uma viagem de aventura inesquecível.

Já os amantes da gastronomia irão se deleitar com a culinária exótica da Polinésia Francesa, onde abundam produtos frescos, em especial os peixes e frutos do mar. O atum e o mahi servem de base para o prato típico do Tahiti, marinados com leite de coco e limão e comumente servido dentro da casca do coco. As plantações locais de frutas tropicais, como abacaxi, banana e mamão, fornecem o complemento ideal para os pratos tradicionais da região. O toque especial fica por conta da baunilha tahitiana, um dos principais produtos da Polinésia. Embora não seja uma espécie endêmica, a baunilha foi trazida pela França e adaptou-se perfeitamente às condições climáticas das ilhas, se tornando uma especiaria rara.

Se você não quer abrir mão de vivenciar a experiência de hospedar-se em um bangalô sobre a água – um ícone do imaginário coletivo sobre a Polinésia Francesa – experimente combinar seu cruzeiro com uma estadia prolongada no Tahiti.

Ilha de Páscoa

Esta ilha pertencente ao Chile guarda um dos elementos mais conhecidos de todo o Oceano Pacífico. Os moais (também conhecidos como naoki ou cabeças da ilha de Páscoa) são o símbolo da cultura rapanui, o povo nativo da ilha. Estas estátuas situadas à beira-mar podem chegar a 20 metros de altura, e foram construídas a partir de uma técnica surpreendente.

Numa parada de cruzeiro na Ilha de Páscoa, você irá descobrir todos os segredos por trás das intrigantes estátuas moais e entrar em contato com a fascinante e única cultura rapanui. Descubra a Ilha de Páscoa a bordo dos luxuosos cruzeiros da Regent Seven Seas ou da Silversea. Companhias premium como Princess Cruises e Holland America também são opções de companhias para visitar a ilha.

Ilhas Cook

O conjunto de ilhas que formam este país independente do Oceano Pacífico possui vínculo com a Nova Zelândia em alguns aspectos da sua administração. Visite as Ilhas Cook para descobrir uma mistura perfeita entre hospitalidade maori e praias mágicas de águas azul-turquesa.

A capital das Ilhas Cook, situada na ilha de Rarotonga, conta com o principal porto de cruzeiros do país. Raratonga é uma ilha de origem vulcânica que, assim como outras ilhas da região, está rodeada de corais.

Outra importante escala está na ilha de Aitutaki, considerada uma das ilhas mais deslumbrantes de todo o Oceano Pacífico. Tudo que você já imaginou sobre o paraíso perfeito no Pacífico está em Aitutaki.

Nas escalas de cruzeiros durante o dia, você irá explorar as abundantes lagoas azuis desta encantadora nação insular, que oferece passeios de snorkel e mergulho. À noite, experimente assistir a uma apresentação de dança local e desfrute de um banquete polinésio.

Samoa e Samoa Americana

As Ilhas Samoa são formadas por dois países, a Samoa independente e a Samoa Americana, um território americano. Essas nações insulares espetaculares são orgulhosas de enaltecer suas tradições polinésias. Não é incomum encontrar a população local usando vestimentas tradicionais, como sarongs, saias e túnicas estampadas, e falando o idioma samoano.

Antigamente conhecida como Samoa Ocidental, a nação independente de Samoa possui um importante porto de cruzeiros na capital Apia, situada na costa norte da ilha Upolu. O país é constituído por uma segunda ilha menos explorada (Sava’i) onde as belezas naturais prevalecem. Companhias como Norwegian Cruise Line, Oceania Cruises, Regent Seven Seas e Celebrity Cruises possuem roteiros frequentes ao país.  

Já a tropical Samoa Americana é um paraíso que possui excelente estrutura turística. Os cruzeiros com destino ao país atracam na cidade de Pago Pago, a capital da nação, localizada na ilha de Tutuila. Quase 90% do seu território (composto por 5 ilhas) é inexplorado, o que significa que por todas as partes você irá encontrar paisagens selvagens e belezas naturais exuberantes. Os amantes do mergulho irão se encantar nas águas repletas de corais da praia de Ofu, uma região de paisagens impressionantes e coloridas.

Tonga

Por estar a bordo de um cruzeiro, Tonga é mais um dos remotos destinos do Oceano Pacífico que pode ser facilmente visitado por via marítima. Este antigo reino polinésio é formado por mais de 150 ilhas deslumbrantes, porém somente 40 delas são habitadas. Suas remotas ilhas guardam vulcões, florestas, falésias, costas pontuadas por coqueiros, cânions e reservas de corais.

Assim como os demais destinos da Polinésia, Tonga pode ser visitada em qualquer época do ano. Porém, somente de junho a outubro é possível vivenciar uma das experiências mais marcantes de Tonga: nadar lado a lado com baleias jubarte em mar aberto. Estas criaturas fascinantes chegam ao arquipélago a cada ano para cuidar dos seus filhotes e este é um dos poucos lugares na terra onde é permitido realizar expedições de snorkel com as baleias.

A maioria das companhias de cruzeiro que visitam Tonga realizam o desembarque em Nuku’alofa e Vava’u. Bem pertinho do porto de Nuku’alofa está localizado o Palácio Real de Tonga, construído em estilo vitoriano, e o parque que abriga os túmulos da família real.

Durante a escala do cruzeiro, você pode explorar ainda o local onde o capitão James Cook aportou na ilha pela primeira vez, visitar o mercado local de Talamahu e descobrir a rica culinária local baseada em peixes, coco e frutas nativas.

O país conta também com portos de cruzeiro menores, em Ovaka, Uoleva e Neiafu.